VW garante encomenda de 1.600 caminhões elétricos e-Delivery

postado em: Aniversário, Autossustentabilidade | 0

Brasil: VW garante encomenda de 1.600 caminhões elétricos e-Delivery

Se a eletrificação de veículos no Brasil parecia até agora algo longe de alcançar, as coisas devem mudar a partir de 2020. A Volkswagen do Brasil, por exemplo, garantiu uma das maiores encomendas (se não for a maior delas) de caminhões elétricos do mundo.

A montadora alemã recebeu da Ambev – uma das maiores cervejarias do mundo – um pedido para nada menos que 1.600 veículos movidos a energia para distribuição de bebidas. Serão caminhões elétricos feitos pela empresa no país, que conheceu no ano passado, o modelo e-Delivery, derivado da nova linha de veículos leves da marca.

Brasil: VW garante encomenda de 1.600 caminhões elétricos e-Delivery

Desenvolvido no Brasil, o VW e-Delivery visualmente não difere dos demais da linha, mas ao invés de usar motor diesel, possui um propulsor elétrico alimentado por baterias de lítio de 170 kWh, que garantem autonomia de 200 km no ciclo urbano. O alcance é suficiente para as operações da Ambev, que deverá destinar os novos caminhões para a entrega das bebidas nos estabelecimentos.

Com produção esperada para 2020, o e-Delivery deverá ser adiantado em fase de teste pela Volkswagen Caminhões e Ônibus para a Ambev, servindo como um piloto do que será a operação da empresa mais adiante. Mesmo com 1,6 mil caminhões elétricos, a empresa de bebidas diz que o pedido atende apenas um terço da frota hoje existente, que deve continuar operando com óleo diesel.

Brasil: VW garante encomenda de 1.600 caminhões elétricos e-Delivery

Para a Ambev, a substituição de montante representará um corte de 30,4 mil toneladas de CO2 na atmosfera ao ano. Para a VWCO, a encomenda da cervejaria é importante para criar uma demanda de mercado para o produto, que é muito adequado às operações urbanas, especialmente por não possuir emissão de poluentes, o que o livra de restrições de circulação nos grandes centros. Os 1,6 mil exemplares do VW e-Delivery ou derivados deste, devem ser entregues até 2023 para a companhia brasileira.

Fonte: Notícias Automotivas

Origem: Electrek