Elétrico E-tron da Audi deverá chegar ao Brasil no início de próximo ano

postado em: Autossustentabilidade | 0

Primeiro carro elétrico da Audi, o e-tron está previsto para estrear no Brasil até o início do ano que vem. O SUV feito na Bélgica deverá trazer uma grande inovação ao mercado brasileiro.

Ele será o primeiro carro a trazer câmera no lugar de retrovisores externos ao País. O item, no entanto, será opcional. De série, o carro virá com retrovisores externos convencionais. Durante o lançamento mundial do e-tron, no ano passado, em Abu Dabi, a Audi havia informado ser baixa a possibilidade de essa tecnologia vir ao Brasil. Era preciso, antes, verificar se a legislação do País permite essa solução.

De acordo com o presidente da Audi do Brasil, Johannes Roscheck, essa verificação já foi realizada. Não há dispositivo na lei brasileira que impeça a adoção dessa solução no carro.
Outro item opcional que o e-tron deverá trazer é o teto solar panorâmico. As demais tecnologias do carro elétrico deverão ser de série.

Entre as novidades, há o novo cockpit virtual da Audi, que estreará no Brasil nas próximas semanas (nos modelos Q8, A6 e A7). A central multimídia também é totalmente nova: mudaram as telas, as funções e a usabilidade, que melhorou.

O modelo também pode ser personalizado com diversas cores de iluminação, em sistema comandado pela central multimídia.

Os dois motores elétricos do e-tron são instalados nos dois eixos. Juntos, geram 408 cv na versão que virá ao Brasil. Já a autonomia máxima é de 400 km. As baterias podem ser recarregadas em tomadas caseiras, durante a noite, por exemplo. Em postos de recarga, o processo é ainda mais rápido.

As câmeras instaladas nas laterais fazem o papel de retrovisores no e-tron. Elas ficam, inclusive, no lugar desse apêndice.As imagens em alta resolução captadas pelas câmeras são as mesmas que seriam mostradas nos espelhos dos retrovisores internos convencionais.

No entanto, elas são projetadas em duas telas, uma na porta direita e outra na esquerda.
Com isso, o motorista pode ver o tráfego traseiro pelas laterais, essencial para fazer conversões como mudanças de faixa, por exemplo.A Audi ainda não divulgou o preço do e-tron no Brasil, nem quanto custará a tecnologia opcional.

Fonte: Verde Sobre Rodas

Origem: Jornal do carro